Conhecimento e prática do autoexame das mamas por acadêmicas de enfermagem

Ludmila Mourão Xavier Gomes, Marta Conceição Alves, Tatiane Barbosa Santos, Thiago Luis de Andrade-Barbosa, Maisa Tavares de Souza Leite

Texto completo:

HTML PDF

Resumen

Introdução: O autoexame possibilita a avaliação e detecção precoce de alterações das mamas. No entanto, não substitui o exame físico realizado por profissional de saúde qualificado para essa atividade. A frequência de realização influencia diretamente a acurácia do método e estimula o autocuidado. Objetivo: Verificar se acadêmicas de enfermagem realizam o autoexame das mamas. Método: Trata-se de um estudo descritivo e exploratório de caráter transversal, realizado em um Curso de Graduação em Enfermagem localizado no município de Montes Claros, Minas Gerais, Brasil. Os sujeitos do estudo foram 202 acadêmicas de uma instituição privada de ensino superior O instrumento de coleta de dados se constituiu de questionário estruturado elaborado pelas próprias pesquisadoras e validado pelo estudo piloto. O projeto foi submetido à apreciação e aprovado pelo Comitê de Ética. Resultados: Evidenciou-se que as acadêmicas não realizam o autoexame das mamas. A principal barreira para não realização do exame foi o esquecimento e não saber a técnica correta. Conclusão: Recomenda-se repensar as formas de ensinar-aprender a temática nas universidades, na perspectiva da aprendizagem significativa e para que a mulher; futura enfermeira, possa responsabilizar pela sua saúde e compreender o seu papel de cuidadora a partir da prevenção do câncer de mama e assumindo o autocuidado.

Palabras clave

Câncer de mama, Autoexame; Saúde da mulher; Estudantes de Enfermagem; Enfermagem

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.




Copyright (c) 2012 Ludmila Mourão Xavier Gomes, Marta Conceição Alves, Tatiane Barbosa Santos, Thiago Luis de Andrade-Barbosa, Maisa Tavares de Souza Leite

Licencia de Creative Commons
Este obra está bajo una licencia de Creative Commons Reconocimiento-NoComercial-CompartirIgual 4.0 Internacional.